Sobre bater em mulheres.

16 mar

large

Aqui vai um recado para você, pessoa doente que bate em mulheres. Acredito que sejam bem poucos os doentes em questão que lerão esse meu texto (isso aqui é um blog de gente normal!!), mas se eu conseguir que apenas um idiota desses leia, eu já estou feliz. Antes de qualquer coisa, o título inicial desse desabafo era:  “homens que batem em mulheres” mas eu não considero um homem quem faz esse tipo de coisa. Homem mesmo, aquele que aprendi com o meu pai e com a vida, é bem diferente disso. Na real eu não considero um ser humano, então eu preferi abstrair do título a denominação “homem”. Fique a vontade pra imaginar qualquer tipo de coisa que caberia no título.

Caro ser abominável que acha de bom tom bater em mulheres, na semana passada fiquei sabendo de uma história de um cara, um escroto como você, que bateu em duas mulheres. As meninas são amigas de amigas minhas, desse mundo que vivemos, tão gigante e ao mesmo tempo tão mínimo. Bateu nelas, bateu em outras pessoas, bateu em todo mundo. Foi mesmo um machão de primeira, esses tipos tão lamentáveis, um imbecil de primeira. As meninas são de alguma maneira próximas a mim, portanto não pude deixar de pensar: E se fosse eu? E mesmo não sendo eu, ou as minhas amigas, ou alguém da minha família, eu fiquei totalmente abalada com a situação. Passei horas pensando no que pode passar na cabeça de pessoas como vocês, pra achar que uma atitude doentia como essa possa ser a melhor solução para seu problema, seja ele qual for. Fruto da sua podre e rasa imaginação, ou um problema real. Me desculpa meu amigo, mas se você não aprendeu com seus pais, com educação ou com a vida deixa eu te contar uma coisa: violência NUNCA é a solução pra nada. Bater em mulheres, que são infinitamente mais fracas e frágeis que você, menos ainda. Fazer o que caras como você fazem é tão repugnante que eu tenho vontade de vomitar enquanto escrevo isso.

Eu tenho tanto nojo e desprezo por pessoas como você que você chega a ser um dos únicos tipos de pessoa que eu realmente desejo o mal, e um mal daqueles que doem muito, que doem lentamente, sabe? É claro que você sabe. Cadeia é o mínimo que desejo a você e é o mínimo que espero que uma sociedade justa faça. Você sabia que quem estupra ou bate em mulher é recebido da mesma forma por lá né? Só um aviso pra ir se preparando. Métodos de tortura eu também não te desejo pois seria pagar na mesma moeda ridícula que você escolheu pra lidar com seus traumas e problemas. Então eu desejo apenas que você sofra, muito, e mil vezes pior do que sofreram as mulheres que apanharam de você.

Você já parou pra pensar se essa mulher que sofreu agressão fosse sua esposa? Ou você é desses que bate nela também? Deve ser né… Mas e se fosse sua mãe? Sua irmã? Como você se sentiria? O que você faria? Cabe algum tipo de empatia dentro desse corpo asqueroso? Você já pensou em se colocar numa situação de total impotência perante a um selvagem do outro lado? Não né? Isso tudo você não pensa, seu desgraçado.

Então o que eu espero do fundo da minha alma é que você se dê muito mal nessa vida, nessa e em todas as próximas que virão. Eu espero que sua vida seja repleta de coisas horríveis como as que você trouxe para as mulheres que bateu. Eu espero tanta coisa ruim pra você que chego a me assustar com as coisas que imagino que poderiam te acontecer. Pra você ver o tanto de absurdo que você faz, você faz florescer em mim e nas pessoas os sentimentos mais tristes e desumanos que se pode sentir. Então eu não consigo desejar a você nada menos que o pior que possa existir nesse mundo. Fique mal, apodreça e pague pelos seus atos, seu imundo.

De coração, e sem carinho.

Mais uma de todas as mulheres indignadas.

Anúncios

3 Respostas to “Sobre bater em mulheres.”

  1. Laura 17/03/2015 às 11:51 #

    Palmas por este texto!!!
    não me conformo com o grau de escrotisse que as pessoas conseguem chegar também!!

    • Gabriela Marques 23/03/2015 às 19:13 #

      Obrigada Laura!
      Não me conforme também. Isso tem que acabar urgente.!
      Beijos

    • Gabriela Marques 20/08/2015 às 21:01 #

      Obrigada Laura.
      É inacreditável mesmo que isso aconteça.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: