Arquivo | julho, 2017

A grama do instagram do vizinho tem mais filtro verde.

30 jul

large

Que a gente julga, analisa e se compara não é nenhuma novidade. E não no sentido pejorativo  dessas palavras, mas se você vive em sociedade, se você tem família, amigos e pessoas ao redor, você se compara quase sempre de vez em quando com os outros.

Isso aumentou exponencialmente hoje em dia com tantos meios de comunicação e tantas redes sociais. Chega a ser inevitável e quase que impossível você não julgar ou se comparar.

Eu li uma pesquisa recente que diz que o instagram é a rede social mais nociva a saúde. A que mais afeta a saúde mental dos jovens e que pode causar depressões profundas. Não é difícil entender o por que, né? Em muitos casos, realmente as vidas ali são perfeitas e as pessoas vivem na felizlândia.

Mas não só no instagram ou em outras redes, pessoalmente também a gente chega a achar que algumas pessoas simplesmente não têm problemas. Que em alguns momentos, Deus (ou qualquer força maior) dividiu mal as dificuldades cagadas da vida e elas e vieram só pra você, deixando algumas pessoinhas livres disso.

Quantas vezes você já não se pegou analisando a vida de algumas pessoas, com uma mini raivinha de tamanha perfeição? Ou quantas vezes você olhou sem julgamento e vendo de uma maneira positiva e admirável (de verdade mesmo)? Quantas vezes você ficou verdadeiramente feliz por alguém ou por algo que estava ali estampado?

Quantas vezes você já se pegou soltando ou pensando as seguintes frases:

Nossa, como essa pessoa é linda né?

Aquele cara tá sempre rodeado de amigos e festas.

Que gente bem sucedida!

Casal mais apaixonado que já vi na vida.

Da onde vem tanta força de vontade para malhar tão cedo?

Essa aí só viaja né?

Essa pessoa é tão calma, me transmite tanta paz.

Que lindo, eles são a família perfeita né?

Eu preciso aprender a lidar com stress como essa pessoa lida.

Cara, essa pessoa não tem problemas?

Trabalhar que é bom nada né, querida?

Eu quero ter todos esses cachorros na minha casa agora.

Como pode ter esse corpo se almoça e janta doritos todo dia?

Esse cara não para, tá difícil acompanhar.

Meu Deus, para de reclamar, você está na Europa!

Essa turma está sempre tão feliz.

Pensa numa pessoa do bem? Que está sempre ajudando.

Meta de vida é ter esse foco.

São pensamentos bons e ruins. E mais do que isso, naturais. E sabe o que acontece com esses pensamentos? Ou o que eles têm em comum? É tudo verdade, mas é tudo mentira também. O que a gente conhece das pessoas seja via redes sociais ou mesmo pessoalmente, são fragmentos delas e das vidas que elas levam. Você jamais vai saber o que realmente se passa em cada mente e coração. Ou em um dia inteiro daquela vida. Aquilo que ela te fala ou que você vê é só uma partezinha do todo.

Sim existem pessoas realmente lindas e felizes. Mas isso não quer dizer que não estejam passando por uma barra na família ou que não tenham problemas. Existem pessoas que estão sempre viajando mas só Deus (e elas!) sabem tudo o que fazem pra conseguir isso ou as vezes o perrengue que são algumas viagens. Sim, é real, existe muito casal genuinamente apaixonado e que gosta de demonstrar isso, assim como existe muita falsidade e muita gente que vive de aparência e que dormem em camas separadas. Tem gente que parece que saiu direto de um comercial de pasta de dentes, mas que muitas vezes sofrem e choram sozinhas no edredom (como qualquer mortal).

Existem famílias que mal se encontram mas o amor pulsa em cada um dos integrantes o pouco que isso acontece. Tem gente que medita todo dia mas trata mal os funcionários. Tem aqueles tímidos  e fechados que numa apresentação do trabalho brilham como poucos. Tem muita gente boa ajudando muita gente que não sai contando por aí. Tem gente realmente muito feliz com prazeres tão pequenos que a gente vê que o mundo ainda tem jeito.

O que quero dizer é, cada mais eu vejo o quão particular é cada mundo, cada vida, cada coração, cada alma. Cada vez mais eu entendo que o equilíbrio é realmente a grande sacada da vida. Que as coisas podem estar caindo em um momento mas em algum outro aspecto a vida ta aí me mostrando como ela pode ser linda de ser vivida.

Já dizia Caetano: Cada um sabe a dor e a delícia de ser o que é. Cada um sabe o quão difícil e maravilhoso pode ser a relação, a família, os amigos, o trabalho, a vida. E o quão paradoxal podem ser as fases na nossa vida e o que mostramos dela. Tem muita depressão disfarçada de gliter e música alta. E tem muita felicidade e amor atrás de vidas e imagens preto e branco. É só olhar direitinho.

Anúncios